08/07/2021 13h01min - Geral
2 semanas atrás

Ação contra facção criminosa termina com morte e apreensões de drogas e armas


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: TaNaMídia Naviraí


Ontem (7), policiais civis do SIG (Setor de Investigações Gerais) de Dourados, da Delegacia de Maracaju, da Delegacia de Caarapó e do Batalhão de Choque da Polícia Militar efetuaram uma ação nos municípios de Caarapó e Maracaju, que terminou na morte de um traficante.

De acordo com informações policiais, a ação visava desarticular um braço de uma organização criminosa de forte atuação nas ruas e nos presídios, destinada a prática de crimes como homicídios, roubos, crimes da lei do desarmamento e tráfico de drogas.

A equipe do SIG de Dourados monitorava possíveis ataques de uma facção criminosa em Caarapó e Maracaju, em represália a “Operação Narcos”, assim como ocorreu nos municípios de Dourados e Ivinhema nas últimas semanas,.

Em Maracaju, após levantamentos, foi constatado que os alvos residiam na Rua Antônio João. Ao notar a presença da polícia, Ricardo Roberto da Silva, de 19 anos, vulgo “olho de gato”, reagiu e disparou contra um policial que revidou. O traficante foi atingido e socorrido ao hospital, mas não resistiu e morreu.

Na residência, foram apreendidas três armas de fogo, dois revólveres calibre 38 e uma pistola adaptada para calibre 22, além de 10 munições calibre 38 e uma munição calibre 22.

Também foi apreendida a quantia de R$ 1.125, uma balança de precisão, 15 papelotes de pasta base (3,9 gramas), 1 papelote de cocaína de (1,1 grama) e 630 gramas de maconha, sendo que parte estava embalada e pronta para comércio.

Durante a ação no município, Juliana Portilho, de 21 anos, companheira do indivíduo baleado e morto, foi presa em flagrante pelo crime de tráfico de drogas.

Ação em Caarapó

Tendo conhecimento que os ataques poderiam ocorrer também em Caarapó, o SIG de Dourados entrou em contato com a delegacia do município e teve conhecimento de um roubo ocorrido na noite anterior, onde o veículo seria utilizado para tirar a vida de uma pessoa inocente.

Após instigações na cidade, cinco pessoas foram conduzidas à delegacia, dentre elas, dois menores. Os indivíduos foram presos/apreendidos em flagrante pelos crimes de roubo, tráfico de drogas, associação criminosa e corrupção de menores. 

Os presos confirmaram em depoimento que estavam na cidade para execução de uma pessoa e que a moto roubada seria utilizada no crime de homicídio. Com eles, foram apreendidos 1,165 kg de maconha, além de uma réplica de arma de fogo do tipo pistola.

Dentre os presos em Caarapó estava um integrante de organização criminosa com mandado de prisão por tráfico oriundo do Estado de São Paulo. Segundo informações, o mesmo exercia função de chefia da organização no município e na região.



•  tanamidia navirai •  noticias


Últimas Notícias
Geral - 23/07/2021 20h22min
Naviraí-Traficante tenta fugir da PRF e acaba capotando carro com mais de 1 tonelada de maconha
Geral - 23/07/2021 18h33min
Butantan entrega mais 1 mi de doses de vacina
Geral - 23/07/2021 17h32min
Pamella Holanda diz que não tem onde morar: “Ivis nos deixou sem casa”
Geral - 23/07/2021 16h26min
Empresário é indiciado por inventar roubo para justificar atraso de salário dos funcionários
Geral - 23/07/2021 15h25min
Jovem tenta abastecer moto furtada com nota falsa e vai preso
Geral - 23/07/2021 15h02min
Donos de açougue são presos em MS com 180 quilos de carne estragada
Geral - 23/07/2021 14h53min
Traficante foge em alta velocidade da PRF e abandona mais de meia tonelada de maconha
Geral - 23/07/2021 13h26min
PM apreende recupera moto furtada e apreende 448 gramas de maconha