23/07/2022 09h12min - Geral
3 semanas atrás

Bebê atropelada sofreu lesão no crânio e precisa de tratamento


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: Campo Grande NEWS


A bebê de cinco meses, atropelada junto com a mãe na última terça-feira (19), em Guia Lopes da Laguna, cidade a 233 quilômetros de Campo Grande, sofreu uma fratura no crânio e passará por tratamento com neuropediatra e a família precisa de ajuda. O motorista teve a prisão preventiva decretada.  De acordo com a diarista Jéssika Rodrigues Ortega Lima, 28 anos, a pequena precisará passar por tratamento em Campo Grande uma vez por mês e ela não sabe como vai fazer para custear as despesas, já que terá que ficar sem trabalhar por ao menos três meses.  “Eu trinquei a vértebra e não posso trabalhar por três meses. Faço diárias e não tenho dinheiro para pagar o tratamento da minha bebê. Vamos ficar só com a renda do meu marido”, disse a mulher.  No relato, ela conta que viu um carro preto vindo em sua direção e colocou o filho mais velho na calçada, no entanto, não viu o veículo branco e acabou sendo atingida junto com a bebê que estava no carrinho.  “A gente não prevê nada só Deus e foi ele quem pegou na minha mãe e tirou meu filho antes do acidente. Pensei que minha filha tivesse morrido, porque ela tem cinco meses e bateu a cabeça, mas quando vi ela chorando a preocupação diminuiu um pouco”, contou.   Em entrevista, Jéssika explicou que por estar com uma mochila nas costas, a queda acabou sendo amortecida e a bebê teve o impacto minimizado por estar com um cobertor que foi desenrolando com ela.  “Espero que esse motorista fique preso porque foi muita irresponsabilidade dele. Agora vou ficar aqui, três meses sem trabalhar e com duas crianças para sustentar e ainda tem o tratamento especializado que não tem em Guia Lopes. Eu estava indo trabalhar quando ele atropelou a gente”, declarou Jéssika.  Quem quiser ajudar Jessika pode entrar em contato pelo telefone da sogra da diarista  (67) 9 9169-4422. Além do tratamento, a família precisa arcar com as despesas de transporte, alimentação e uma possível estadia na Capital.  Atropelamento - O acidente aconteceu por volta das 7h do dia 19 de julho na Rua Presidente Vargas, próximo ao Bairro São Miguel, em Guia Lopes da Laguna.  A jovem estava caminhando próximo ao meio-fio com o bebê no carrinho e o outro filho, mais velho, na calçada, quando um Volkswagen Gol branco atropela a vítima e foge.  Imagens de câmeras de segurança mostram o exato momento que o motorista atropela as vítimas.  O motorista responsável foi identificado como Paulo Alberto Gonçalves Fernandes, de 29 anos. Ele estava bêbado e fugiu do local sem prestar socorro, mas foi preso em seguida.   Ele confessou que era o motorista e realizou teste de alcoolemia, que resultou em 0,92 miligramas de álcool por litro de sangue, sendo o máximo permitido por lei de 0,34. Paulo também não tem CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e foi preso em flagrante por lesão corporal na direção de veículo automotor, omissão de socorro, conduzir veículo embriagado e dirigir sem habilitação. (Com informações Jardim MS News).

•  campo grande news •  navirai •  noticias


Últimas Notícias
Geral - 11/08/2022 23h59min
Madrasta agredida nos olhos a tesouradas recebe alta e enteado é levado para o presídio
Geral - 11/08/2022 23h59min
Motorista é preso com R$ 10,6 milhões de maconha em carga de tijolos
Geral - 11/08/2022 23h57min
Rapaz que morreu após perseguição transportava quase 400kg de maconha no veículo
Geral - 11/08/2022 23h38min
Rastreador leva PM à "boca de fumo" e cinco são presos 730 papelotes de cocaína
Geral - 11/08/2022 23h17min
Fifa antecipa início da Copa do Mundo para 20 de novembro
Geral - 11/08/2022 22h56min
Com 50 vagas, curso gratuito de açougueiro está com inscrições abertas
Geral - 11/08/2022 22h34min
Libertadores: Vitor Roque decide e Athletico-PR está na semifinal
Geral - 11/08/2022 22h13min
Suspeitos de assalto, homens são presos após trocarem tiros com policiais