11/07/2022 16h17min - Geral
1 mês atrás

Câmara aprova relatório de comissão e afasta vereadora por 90 dias


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: Campo Grande NEWS


Por 6 votos a 4, a Câmara de Nova Alvorada do Sul (a 116 km de Campo Grande) aprovou nesta segunda-feira (11) a suspensão da vereadora Andrea Fim (PP) por 90 dias. Em sessão extraordinária, o Legislativo ratificou a decisão tomada no dia 30 de junho pela Comissão de Ética. Andrea Fim foi denunciada à polícia acusada de maltratar uma fisioterapeuta da rede pública de saúde durante visita à unidade para saber se as pessoas estavam contentes com o atendimento. O caso foi arquivado na delegacia, mas foi levado à Comissão de Ética, que decidiu pela suspensão da vereadora por abuso de poder. Durante o afastamento, a vaga será ocupada pela primeira suplente, Rosana Pinheiro (União Brasil). Andrea ficará sem receber salário enquanto estiver suspensa. Ao  Campo Grande News , ela disse que foi vítima de injustiça e prometeu recorrer ao Poder Judiciário contra a decisão de seus colegas. Andrea afirmou não ter ido se defender pessoalmente na sessão de hoje porque estava com o filho no médico. “Todos os depoimentos comprovam que não excedi de minhas prerrogativas e que exerci meu mandato com respeito, dentro do Código de Ética e do Regimento Interno. Nunca iria humilhar servidor, fiz meu papel de legisladora e seguirei sempre com a com minhas condutas pautadas dentro do que me compete”, afirmou. O advogado dela, Noemir Felipetto, disse que a decisão da Comissário de Ética está totalmente fora de contexto probatório, pois o caso foi esclarecido e arquivado pelo delegado de polícia. “Mas praticamente nada foi levado em conta para a fundamentação da decisão”. Para a defesa, os vereadores não seguiram as provas e os depoimentos das testemunhas. “Ela não cometeu nenhum abuso. Tal decisão pode abrir grave precedente em Nova Alvorada do Sul, de um vereador não poder mais exercer o que lhe é mais sagrado, o dever de fiscalização”. Eleição  – Se não conseguir reverter a suspensão na Justiça, Andrea Fim não poderá votar na eleição da Mesa Diretora da Câmara, marcada para o dia 2 o mês que vem. A reportagem apurou que a mudança deve beneficiar o vereador Sidcley Brasil da Silva (MDB), candidato a presidente do Legislativo. Ele vai disputar o cargo com o vereador Edir Alves Mesquita, também do MDB. Se conseguir o apoio da suplente Rosana Pinheiro, Sidcley deve ser eleito por seis votos.

•  campo grande news •  navirai •  noticias


Últimas Notícias
Geral - 14/08/2022 22h01min
Internacional atropela o Fluminense por 3 a 0 no Beira Rio
Geral - 14/08/2022 21h40min
São Paulo atropela Red Bull Bragantino por 3 a 0 neste domingo
Geral - 14/08/2022 21h21min
Rayssa Leal conquista etapa de Seatle da Liga Mundial de street
Geral - 14/08/2022 21h05min
Em casa, América-MG vence o Santos por 1 a 0 e respira na Série A
Geral - 14/08/2022 20h49min
Fortaleza vence Ceará por 1 a 0 e deixa zona de rebaixamento
Geral - 14/08/2022 20h29min
Brasil registra 37 mortes por covid-19 em 24 horas
Geral - 14/08/2022 20h22min
Brasil registra 37 mortes por covid-19 em 24 horas
Geral - 14/08/2022 20h05min
Eleições 2022: veja o que pode ou não no dia da votação