09/07/2022 08h50min - Geral
1 mês atrás

Campo-grandenses se adaptam para não viajar de avião


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: Campo Grande NEWS


Ufa! Enfim chegaram as férias escolares. Começam oficialmente na próxima segunda-feira, com retorno ao batente no dia 25. Serão duas semanas para viajar em família e levar as crianças para passear em lugares incríveis em um momento propicio, depois de dois anos de pandemia, clima favorável do mês de julho, nem quente nem frio. Não fossem os altos preços das passagens aéreas, tudo seria perfeito.  Dados do IBGE revelam que os preços das passagens aéreas foram reajustados em 88% nos últimos 12 meses. O aumento das tarifas foi a alternativa óbvia das companhias aéreas para se recuperar dos prejuízos pela queda de 41% nas viagens durante a pandemia, além, claro, da alta do preço do querosene de aviação, a justificativa de sempre. Até a guerra da Ucrânia entra no arsenal de justificativas.  “Queria aproveitar o recesso escolar para levar meus dois filhos ao jogo Palmeiras x Cuiabá no Allianz Parque, em São Paulo. Somos cuiabanos, palmeirenses e moramos em Campo Grande. Seria uma viagem dos sonhos para mim e para os meninos, ver o nosso time do coração jogar com o time do nosso estado, mas tivemos que desistir”, disse Carlos Henrique Aleixo da Costa.   Ele conta que seria uma viagem de final de semana, por conta do foco no jogo pelo Campeonato Brasileiro, previsto para segunda-feira, dia 18, no estádio do Palmeiras. Pelo seu planejamento, a ideia inicial era viajar na sexta-feira, mas a ida no domingo e o retorno na terça-feira representaria economia com hospedagens.   “Comecei a pesquisar desde maio e o que vi é que os preços só aumentam a cada dia. Minha última busca foi na segunda-feira desta semana e o preço da passagem ida e volta entre Campo Grande e São Paulo estava R$ 3.360,00 por pessoa, um absurdo”, comentou Carlos Henrique, que mudou os planos de viajar de avião para São Paulo e vai viajar de carro com os filhos para Costa Rica, no norte de Mato Grosso do Sul.   “Vamos aproveitar que o preço dos combustíveis estão em queda”, afirmou. O valor médio do litro da gasolina cobrado no país caiu 8,98%. Adequar os planos à realidade do bolso, especialmente quando se trata de viagem de lazer, é uma boa alternativa para fugir dos altos preços das passagens aéreas.   E ele não será o único a fugir do preço alto da passagem aérea. “Na segunda-feira vou viajar de carro com minha família para um hotel fazenda em Bodoquena. É uma viagem tranquila, segura e econômica”, disse Pedro Henrique Gonçalves. “Viajar de avião só quando for uma situação essencial”, recomenda.

•  campo grande news •  navirai •  noticias


Últimas Notícias
Geral - 12/08/2022 23h57min
Instalação de estação de embarque e desembarque interdita Rui Barbosa no sábado
Geral - 12/08/2022 23h36min
Mega-Sena deste sábado pode pagar até R$ 27 milhões
Geral - 12/08/2022 23h27min
Ferro-velho escondia mais de quatro toneladas de maconha
Geral - 12/08/2022 23h26min
Homem fica preso em ferragens de carro após batida com caminhão
Geral - 12/08/2022 23h25min
Homem é preso após receber R$ 1 mil em notas falsas
Geral - 12/08/2022 23h15min
Veículos são apreendidos com 4,4 mil pacotes de cigarros em lavoura de milho
Geral - 12/08/2022 22h54min
Matheus Davó brilha na vitória de 2 a 0 do Bahia sobre o Ituano
Geral - 12/08/2022 22h54min
Bahia vence Ituano e assume vice-liderança da Série B