08/07/2022 06h55min - Geral
1 mês atrás

Conexão 5G pode chegar antes do previsto na Capital, garante Anatel


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: Campo Grande NEWS


Apesar da previsão de uma nova conexão 5G em Campo Grade apenas em setembro, a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) acredita que o serviço poderá ser instalado na Capital sul-mato-grossense antes do prazo, em agosto.   Brasília foi o primeiro local do País a receber autorização da agência para ter a rede de funcionamento na telefonia móvel. A tecnologia que deixa as conexões mais velozes, começou a operar nesta quarta-feira (6) na capital do Distrito Federal.  Seguindo o organograma, no máximo em 29 de agosto de 2022, o sinal deve alcançar as capitais. O prazo inicial era 31 de julho, mas a autarquia autorizou o adiamento após as operadoras alegarem dificuldades na importação de equipamentos.  As próximas capitais que receberão a tecnologia serão Belo Horizonte (MG), Porto Alegre (RS), João Pessoa (PB) e São Paulo (SP). Até 2029, todos os municípios brasileiros devem ter 5G e 9 mil localidades remotas devem estar cobertas com o 4G.  Ao Campo Grande News , o diretor-presidente da Agetec (Agência Municipal de Tecnologia da Informação e Inovação) Paulo Cardoso, assegurou que todos os trâmites legais para receber a cobertura já foram feitos e "a cidade está completamente preparada para receber a conexão".  "Fizemos as adequações através da Lei de nº 447, para a partir daí, as operadoras já poderem se adaptar. Dentro disso, tomamos os cuidados necessários para reservar a área urbana, cultural e ambiental, sem afetar a tecnologia, em um plano que não irá interferir na implantação de antenas em calçadas atrapalhando a circulação das pessoas, e também na colocação de torres", explica Cardoso.  Por meio da assessoria, a operadora de telefonia móvel Claro, afirmou que aguarda apenas a liberação da Anatel para colocar em funcionamento a conexão 5G na frequência de 3,5Ghz na Capital. Segundo a empresa, os aparelhos compatíveis com o 5G DSS e que também suportam a faixa de 3,5 GHz serão automaticamente conectados com o novo 5G+, agora com mais capacidade pela adição da nova faixa.  À reportagem, a Tim também afirmou estar preparada para disponibilizar o serviço tão logo. "Estamos prontos, mas há órgãos que estão organizando o cronograma", disse. A operadora venceu o leilão da tecnologia na Capital no ano passado, junto à Claro e Vivo, ficando responsáveis pela inovação. Os lances vencedores na faixa de 3,5 GHz foram: R$ 338 milhões (ágio de 5,18%, valor acima do mínimo previsto no edital) da operadora Claro para o lote B1; R$ 420 milhões (ágio de 30,69%) da Vivo para o lote B2; e R$ 351 milhões (ágio de 9,22%) da TIM para o lote B3.  Entenda – O 5G é a quinta geração da telefonia móvel, em implantação no mundo desde 2018. Como será distribuída em faixas de frequência maiores, a expectativa é de que a velocidade aumente de 50 a 100 vezes. Isso permitirá avanços em áreas como segurança pública, telemedicina, educação à distância, cidades inteligentes e automação. As operadoras ainda não definiram se vão reajustar os planos com a chegada da nova rede. 

•  campo grande news •  navirai •  noticias


Últimas Notícias
Geral - 10/08/2022 13h11min
Vítima procura polícia para denunciar furto e ao voltar para casa encontra suspeito dormindo na própria cama
Geral - 10/08/2022 13h08min
Maioria do STF vota a favor de reajuste de 18% para o Judiciário
Geral - 10/08/2022 12h48min
WhatsApp estende prazo para apagar mensagens enviadas
Geral - 10/08/2022 12h31min
Idosa é socorrida com furo no olho ao ser atacada com tesouradas pelo enteado
Geral - 10/08/2022 12h20min
Pandemia mudou hábito e 20% dos passageiros deixaram de usar ônibus na Capital
Geral - 10/08/2022 12h13min
Homem confessa ter matado idoso após briga por volume de som
Geral - 10/08/2022 12h09min
Suspensão de redução de imposto preocupa setor industrial do Estado
Geral - 10/08/2022 12h00min
MS gasta 40% da receita com 52 mil servidores: Saiba opinião de candidatos