16/07/2022 12h29min - Geral
4 semanas atrás

Empresa cancela voo e sugere que passageiros continuem de ônibus por 1,4 mil km


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: Campo Grande NEWS


Sem resposta e assistência, cerca de 30 passageiros que seguiriam em um voo para Cuiabá (MT), aguardam no Aeroporto Internacional de Campo Grande, desde às 8 horas deste sábado (16). A proposta da Companhia Aérea Voe Azul foi de levá-los até Cuiabá e depois que o trajeto, de 1,4 mil quilômetros até Porto Velho (RO), fosse completado de ônibus. Todos os passageiros são ligados à secretarias de saúde de várias regiões e chegaram na Capital de Mato Grosso do Sul na segunda-feira (11). Eles participaram do Congresso Nacional das Secretarias Municipais de Saúde, que terminou nesta sexta-feira (15). O voo de volta estava marcado para 8h35, mas foi cancelado sem aviso prévio.  A secretária de Saúde de Monte Negro (RO), Alcione Baeta, de 38 anos, contou que foi informada no check-in que haveria uma hora de atraso no voo. "Então entramos na sala de embarque e informaram que iria ter mais uma hora de atraso. Após as duas horas, eles simplesmente cancelaram o nosso voo".  A passageira pediu posicionamento da companhia aérea, quando recebeu a resposta: "não tem outro voo, vão ter que se virar", contou ao Campo Grande News . "Estão propondo agora levar a gente até Cuiabá e de lá a gente pegar um ônibus até Porto Velho, que é 1,4 mil quilômetros de Cuiabá. Não ofereceram um hotel, nem lotação em outros voos, nada. Ainda falaram que é o que tem, não tem o que fazer, ou é isso ou é nada", completou. Alcione revela ainda que a companhia continua vendendo passagens a outros passageiros, mas não realocam os que já estão esperando pelo voo que foi cancelado. "O pior não é isso, disseram que o próximo voo só sairia daqui na próxima sexta-feira, mas continuam vendendo passagem com mesmo destino para amanhã. Não estão querendo realocar a gente e todo mundo aqui precisa trabalhar. É ridículo estar indisponibilizando voos em outros horários e não darem assistência para a gente, um desrespeito", pontuou.  A passageira Aldara Araruna, de 32 anos, é de Paraíba e enfrenta o mesmo problema. "Primeiro disseram que atrasou o voo para 9h30, aí 10h30, depois 11h30 e estamos até agora esperando. A Companhia não tem previsão, não fala o motivo do cancelamento, é uma situação constrangedora porque temos uma programação e bagunça tudo. Minha conexão é em Cuiabá e Guarulhos, mas não sei como vai ficar agora", lamenta a mulher.  A secretária executiva do Cosems (Conselho de Secretarias Municipais de Saúde) de Rondônia, Cristina Mabel, de 38 anos, é moradora de Porto Velho e ponderou: "você deixar 30 pessoas em um ônibus, 24 horas viajando, é impossível".  A secretária afirma que a empresa está perdurando a situação. "Se fosse para resolver o problema eles poderiam deixar o mesmo voo que vai nos levar para Cuiabá seguir viagem com a gente até Porto Velho. Estamos lidando com vidas, todos nós termos compromissos, filhos, maridos, reuniões na segunda-feira, e da forma que estamos sendo tratados é desumano e desrespeitoso", completou. A reportagem do Campo Grande News  entrou em contato com a companhia Voe Azul, mas não obteve retorno até a publicação do material.

•  campo grande news •  navirai •  noticias


Últimas Notícias
Geral - 11/08/2022 23h59min
Madrasta agredida nos olhos a tesouradas recebe alta e enteado é levado para o presídio
Geral - 11/08/2022 23h59min
Motorista é preso com R$ 10,6 milhões de maconha em carga de tijolos
Geral - 11/08/2022 23h57min
Rapaz que morreu após perseguição transportava quase 400kg de maconha no veículo
Geral - 11/08/2022 23h38min
Rastreador leva PM à "boca de fumo" e cinco são presos 730 papelotes de cocaína
Geral - 11/08/2022 23h17min
Fifa antecipa início da Copa do Mundo para 20 de novembro
Geral - 11/08/2022 22h56min
Com 50 vagas, curso gratuito de açougueiro está com inscrições abertas
Geral - 11/08/2022 22h34min
Libertadores: Vitor Roque decide e Athletico-PR está na semifinal
Geral - 11/08/2022 22h13min
Suspeitos de assalto, homens são presos após trocarem tiros com policiais