06/04/2022 05h40min - Geral
1 mês atrás

Executado na fronteira voltava para casa após ser julgado por homicídio


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: TaNaMídia Naviraí


Ozório Leonel Ferreira, 66 anos, executado a tiros de pistola 9 milímetros na tarde de segunda-feira, dia 04 de abril, voltava para casa depois de ser julgado e condenado por homicídio no Fórum de Sete Quedas, cidade localizada na região de fronteira com o Paraguai.

Segundo o site Campo Grande News, morador em Eldorado, Ozório viajava de passageiro em um veículo VW/Gol, de cor vermelha, dirigido pelo sobrinho dele, José Leonel, 55 anos. Sebastiana Leonel Ferreira, 63 anos, irmã de Ozório, também estava no carro.

Condenado ontem a seis anos de reclusão pelo assassinato de Sérgio Sampaio, ocorrido em 11 de abril de 2016, no centro de Sete Quedas, Ozório ganhou o direito de recorrer em liberdade, pois já estava solto durante a fase processual.

Minutos após o encerramento do júri, o carro em que os três viajavam de volta para casa foi cercado por uma caminhonete na rodovia MS-160. José Leonel, motorista do Gol, e Ozório, que estava do lado dele, foram crivados de bala.

Segundo a Polícia Civil, Ozório levou vários tiros na cabeça e ficou com o rosto desfigurado. Sebastiana viajava no banco traseiro e foi atingida na perna, mas está fora de perigo. Peritos da polícia recolheram várias cápsulas deflagradas de pistola 9 milímetros ao lado do carro.

Crime em 2016

Segundo a denúncia apresentada pelo Ministério Público com base na investigação policial, Ozório cometeu o assassinato em 2016 por motivos passionais. O assassino teve relacionamento extraconjugal com a mulher da vítima (Sérgio Sampaio) por quatro anos e exigia que a mulher largasse do marido para viver com ele.

A mulher se negou a se separar do marido para ficar com o amante e quatro meses antes do crime, ela colocou fim ao caso extraconjugal que mantinha com Ozório Leonel Ferreira. O casal e Ozório tinham sido vizinhos no Assentamento Itamarati.

Ainda segundo a denúncia do MP, por não aceitar que a ex-amante continuasse com o marido, Ozório foi até a residência do casal na noite de 11 de abril de 2016 e disparou 10 tiros contra Sérgio Sampaio, 51 anos.

O homem chegou a ser levado para o hospital, mas morreu em seguida. Vingança pelo crime ocorrido há seis anos é uma das linhas de investigação da Polícia Civil para tentar esclarecer a dupla execução de ontem à tarde. 



•  tanamidia navirai •  noticias


Últimas Notícias
Geral - 17/05/2022 06h47min
Itaquiraí comemorou seus 42 anos com uma festa com muito sucesso
Geral - 17/05/2022 06h32min
Etapa da 18ª Copa Conesul de Voleibol 2022 movimentou Naviraí
Geral - 17/05/2022 06h17min
Tiago Botelho ajuda na construção da Bancada da Educação e Ciência
Geral - 17/05/2022 06h17min
Prefeito exalta atuação de Waltinho em favor de Mundo Novo
Geral - 17/05/2022 05h55min
Polícia apreende 386 quilos de maconha na rodovia MS-164
Geral - 17/05/2022 05h26min
Polícia investiga ritual macabro em cemitério da fronteira de MS
Geral - 17/05/2022 04h40min
PRF apreende 5,5 toneladas de agrotóxicos e 300 mil maços de cigarros contrabandeados em Eldorado
Geral - 17/05/2022 01h11min
DOF fecha entreposto e apreende droga, pé de maconha e adolescente