10/12/2021 07h30min - Geral
2 meses atrás

Fecularia da Copasul bate recordes de produção e faturamento


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: Naviraí Notícias


Fecularia da Copasul instalada à margem da rodovia BR-163. (Foto: Assessoria)

Em novembro a Fecularia da Copasul bateu recorde de vendas e faturamento. Com a venda de 4.040 toneldas de fécúla e faturamento de R$ 13.487.742,30. 

A Fecularia Copasul exportou 1.458 toneladas de fécula de mandioca em novembro, o que representou 22,9% das exportações em todo o país, segundo divulgou o Informativo CEPEA, com dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex). O Brasil exportou em novembro 6.341 toneladas de fécula e Mato Grosso do Sul foi o destaque, com a exportação de 47,4% deste total (3.006 toneladas).

Em Naviraí, a unidade industrial que atende associados da Cooperativa Agrícola Sul-Mato-Grossense e demais produtores da região deteve quase um quarto do montante vendido para fora do país e 48,5% do total de fécula de mandioca exportado pelo Mato Grosso do Sul.

O gerente da Fecularia Copasul, Cristian Konishi, destaca os principais pontos que alavancaram as exportações brasileiras a partir de outubro: "O Paraguai sempre foi um país que exportava muita fécula, e neste ano, muitos produtores migraram para a soja, por conta do preço da comoditie. Então foi necessário que eles importassem fécula para consumo interno e manter contratos com alguns clientes de outros países".

Ainda segundo Cristian, a posição de mercado da Copasul também favoreceu a participação da Fecularia neste crescimento das exportações. "A Copasul, por ter uma logística excelente e trabalhar com preços competitivos de raiz, pensando no cooperado e remunerando de forma melhor possível que o mercado, conseguiu ter volumes para atender e continuar atendendo este consumo no país vizinho".

 

Foi em novembro, também, que a Fecularia Copasul apresentou recordes de venda e faturamento, com 4.040 toneladas comercializadas e R$ 13,4 milhões faturados.

No mês de novembro, o Brasil apresentou um aumento de 47% nas exportações de fécula em relação ao mês anterior (4.321 em outubro). MS foi o destaque seguido por Paraná (26,6%) e São Paulo (25,5%). Os principais compradores da fécula brasileira no mês passado foram Estados Unidos, Paraguai e Espanha.

 

JANEIRO A NOVEMBRO

De janeiro a novembro de 2021, as exportações brasileiras já apresentam 153% de acréscimo em relação a 2020, com 35,2 mil toneladas exportadas, a maior quantidade da história. No Mato Grosso  do Sul, no ano, foram 14.011 toneladas vendidas para fora do país, algo em torno de 39% do total brasileiro. (Com informações Sul News).

 

 

Fonte: Sul News

•  navirai noticias •   site •   naviraí


Últimas Notícias
Geral - 25/01/2022 12h27min
Chuva forte, ventania e queda granizo de atingem região oeste de Campo Grande
Geral - 25/01/2022 12h27min
Jovem é assassinado com tiros no rosto em Maracaju
Geral - 25/01/2022 12h26min
Funcionária da limpeza urbana é atropelada por motorista de Hilux enquanto varria rua em MS
Geral - 25/01/2022 12h07min
Palmeiras vence Santos por 4 x 0 e conquista Copa São Paulo pela primeira
Geral - 25/01/2022 11h08min
Ladrões arrombam blindex e furtam YBR de auto peças
Geral - 25/01/2022 10h45min
Jovem perde 500 reais em mais um golpe nas redes sociais
Geral - 25/01/2022 10h00min
Investimento do Governo de MS em reformas de escolas somam quase R$ 10 milhões
Geral - 25/01/2022 09h41min
Vigilância Sanitária intensifica a fiscalização