31/05/2022 03h12min - Geral
1 mês atrás

Homem com nove passagens pela polícia é preso com 326 quilos de maconha


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: TaNaMídia Naviraí


O DOF (Departamento de Operações de Fronteira) prendeu na manhã de segunda-feira (30), na MS-164, em Maracaju, um homem de 36 anos transportando 326 quilos de droga em um Renault Logan. O autor já possuí nove registros criminais na polícia por receptação, tráfico de drogas, ameaça e violência doméstica.

Os policiais faziam bloqueio no cruzamento da MS-164 com a BR-267 quando deram ordem de parada ao autor, que furou o bloqueio e fugiu. Após alguns quilômetros o suspeito saltou do carro em movimento, tentando fugir a pé, sendo preso pelos policiais logo em seguida.

No interior do veículo foram localizados 340 tabletes de maconha que totalizaram 308,9 quilos e 51 sacos de skunk que pesaram 17,4 quilos da droga. O autor disse que pegou o carro já carregado em Ponta Porã e levaria até Campo Grande. Ele disse que receberia R$ 5 mil pelo transporte quando chegasse à capital.

O autor, juntamente com o material apreendido avaliado em aproximadamente R$ 820 mil, foi encaminhado à Polícia Civil em Maracaju. Ele vai responder por tráfico de drogas, direção perigosa e desobediência.



•  tanamidia navirai •  noticias


Últimas Notícias
Geral - 07/07/2022 08h57min
PMA de Amambai autua comerciante em R$ 4,7 mil por capturar de Dourado que está com pesca proibida e divulgou nas redes sociais
Geral - 07/07/2022 08h41min
Para 80% dos leitores, preço da carne não sofreu alteração
Geral - 07/07/2022 08h34min
Pesquisadores alertam sobre os perigos de barragens no Pantanal de MS
Geral - 07/07/2022 08h30min
Itaquiraí recebe caminhão, pá carregadeira e van para reforçar a frota
Geral - 07/07/2022 08h30min
O que é ser uma mulher fantástica?
Geral - 07/07/2022 08h30min
A responsabilidade pela gestão correta de resíduos no Brasil é compartilhada
Geral - 07/07/2022 08h28min
MPRJ faz operação contra policiais acusados de extorsão
Geral - 07/07/2022 08h26min
Réus têm penas de 16 a 19 anos por espancamento e morte de preso que traiu PCC