05/05/2021 16h03min - Geral
2 meses atrás

Iagro recebe auditoria para avaliar mudança de status sanitário de aftosa


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: SulNews


Desde que o Estado de Mato Grosso do Sul aderiu, em 2018, ao Plano Estratégico do Programa Nacional de Vigilância para a Febre Aftosa (PNEFA 2017-2026), regido pelo Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (MAPA), que tem como objetivo principal “criar e manter condições sustentáveis para garantir o status de país livre da febre aftosa e ampliar as zonas livres de febre aftosa sem vacinação, protegendo o patrimônio pecuário nacional e gerando o máximo de benefícios aos atores envolvidos e à sociedade brasileira”, o serviço estadual de defesa sanitária animal do MS vem sendo monitorado e avaliado periodicamente por esse ministério, por intermédio de auditorias, feitas por Auditores Fiscais Federais Agropecuários da Superintendência Federal da Agricultura – SFA/MS ou de diversas unidades federativas. A metodologia empregada nas auditorias é uma ferramenta adotada pelo MAPA, que foi elaborada pela Organização Mundial de Saúde Animal – OIE, Auditoria Quali-SV, que tem por finalidade avaliar a qualidade e desempenho do serviço de defesa sanitária animal de um país ou de um Estado. Mato Grosso do Sul faz parte do Bloco IV (classificação do MAPA com cronograma pré-estabelecido para retirada da vacinação), juntamente com os Estados da Bahia, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Sergipe, São Paulo, Distrito Federal e Mato Grosso. A primeira auditoria conduzida por Auditores de outras unidades da federação ocorreu em fevereiro de 2018. Dessa auditoria resultou um relatório com uma série de recomendações de medidas corretivas a serem executadas pela Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (IAGRO). Posterior a essa auditoria, ocorreram outros acompanhamentos pelos técnicos da SFA/MS.  Agora, desde o dia 26 de abril de 2021, por conta da pandemia da COVID-19, iniciou-se em formato remoto uma nova auditoria do programa Quali-SV na IAGRO, que se estenderá até 07 de maio. Os Auditores Federais, que são lotados nos estados de Espírito Santo, Rio Grande do Sul, Paraná e Pará, realizarão entrevistas e checagem documental com os servidores da IAGRO, com base no checklist da ferramenta e critérios do programa Quali-SV. Inicialmente, atendendo ao roteiro determinado pelo Ministério, foi feita uma apresentação formal e objetiva da IAGRO pela gerente de Inspeção e Defesa Sanitária Animal, Fiscal Estadual Agropecuário, Drª Jaqueline Marques de Oliveira, sendo abordados assuntos relativos ao organograma da Agência, seus departamentos e funções finalísticas, suas diretorias, objetivos e metas. Posteriormente, a chefe da Divisão de Tecnologia da Informação, Fiscal Estadual Agropecuário, Drª Caroline Sakamoto, apresentou o sistema e-SANIAGRO, responsável pelo controle informatizado da defesa sanitária animal estadual. Na oportunidade, ela discorreu sobre módulos da área finalística como cadastramento de propriedades rurais, inspeção e fiscalização, e demais módulos inerentes à área. O objetivo da diretoria da IAGRO e do Governo do Estado de MS é conseguir a aprovação do MAPA para que o Estado possa evoluir em sua condição sanitária, passando de área Livre de Febre Aftosa Com Vacinação para Livre Sem Vacinação a partir de 2022. 

•  sulnews •   noticias •   site •   naviraí


Últimas Notícias
Geral - 22/06/2021 16h17min
Contrabandista foge da PRF com carga de cigarros avaliada em R$ 2 milhões
Geral - 22/06/2021 15h23min
Prefeitura assegura eficácia de todas as marcas de vacinas contra Covid-19
Geral - 22/06/2021 15h18min
Cocaína que saiu de Campo Grande no assoalho de carro é apreendida em SC
Geral - 22/06/2021 14h39min
Naviraí-Acidente envolvendo duas motos deixa uma vitima fatal
Geral - 22/06/2021 14h26min
Batida de duas motos causa morte nas proximidades do Senai
Geral - 22/06/2021 14h26min
acidente fatal NAV
Geral - 22/06/2021 14h14min
Problema mundial afeta estoque de medicamentos em MS, alerta secretário
Geral - 22/06/2021 14h05min
Nova Andradina registra 85 mortes por coronavírus