10/10/2021 15h12min - Geral
4 meses atrás

Lula e bancada petista confirmam nome de Zeca para governador


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: Naviraí Notícias


Zeca quer voltar ao cargo de governador com apoio de Lula e bancada do PT. (Foto: Divulgação)

O ex-presidente e principal nome para reeleição presidencial, Lula (PT), esteve reunido nesta segunda-feira (4.out.2021) com o deputado federal Vander Loubet e com uma bancada de deputados petistas em Brasília (DF). O encontro teve início às 10h e encerrou às 15h da tarde.

Estiveram presentes na reunião ex-deputados e o ex-governador Zeca do PT, que foi confirmado como pré-candidato ao Governo de Mato Grosso do Sul (MS) pela sigla às eleições 2022. "Afirmamos o nome do Zeca e estamos abertos para estar dialogando com os partidos que queiram já fazer alianças conosco no 1º turno, em cima da resolução estadual que nós tiramos", introduziu Loubet. 

O parlamentar explicou que a indicação de Zeca ainda pode ser alterada. "Não tem problema nenhum se tiver que abrir mão, o Zeca é nosso pré-candidato, vai andar pelo estado, mas se tiver partidos que queiram conversar conosco e que queiram apoiar o Lula no 1º turno nós estamos abertos para estar dialogando”, destacou.

 

Pesquisa: Lula cresce ainda mais e 54% descartam Bolsonaro em 2022

 

Segundo Loubet, Lula está muito tranquilo, com muita vontade e cumpre agenda em Brasília (DF) até quinta-feira (7.out.21). “Ele está conversando com setores do Centro, uma parte do PMDB, vai conversar de novo com PSD, vai conversar com empresários... E ele nos colocou que além dessa frente que nós já temos no campo democrático popular da Esquerda, nós precisamos tentar buscar, se possível, já para no primeiro turno, uma parte do Centro. A preocupação que eu senti na fala dele é que ele não quer deixar que o Centro todo se articule com Bolsonaro”, comentou. 

Em 2 de outubro de 2022, os brasileiros voltarão às urnas para escolher o presidente, governadores, deputados federais e senadores. Por isso, a definição agora do nome do pré-candidato a Governo é uma maneira de iniciar as andanças a fim de escutar as demandas da população. 

“Ele disse que sentiu o PT, uma bancada muito madura. Vamos intensificar o diálogo com todas as forças partidárias para que a gente possa montar não somente um palanque forte para o Lula, mas uma aliança forte contra o Bolsonaro”, explicou o parlamentar.

 

Lula se agiganta e Bolsonaro encolhe na Capital de MS, revela pesquisa

 

Durante seu discurso aos correligionários Lula foi incisivo, de acordo com Vander, seu programa de governo tem o meio ambiente como peça principal para recuperação do país, além de outras ações. “Nós vamos ser duros no programa. Um programa que defenda a recuperação da economia, a geração de emprego, distribuição de renda e a preservação muito forte da questão ambiental, de forma sustentável. Vamos recuperar as políticas públicas que a gente viu sendo exterminadas nesses últimos três anos do Governo Bolsonaro”.

Para Lula, a reunião desta segunda foi a oportunidade para que fosse feita uma reflexão dos desafios apara oa próximo ano. "Momento muito importante de reflexão sobre os nossos desafios para 2022. Precisamos de uma bancada cada vez mais forte, representativa e conectada com as lutas do povo brasileiro. O desafio é grande, mas o Brasil tem jeito! Vamos reconstruir esse país", escreveu o ex-presidente numa rede social. 

O ex-presidente Lula segue na liderança do 1º turno em 2022. A mais recente pesquisa, do PoderData, realizada de 27 a 29 (set.21), mostra que Lula cresceu 3 pontos percentuais em 1 mês, atingindo a marca 40% das intenções de voto. Já o atual presidente, Jair Bolsonaro, aparece em 2º lugar, com 30% – em uma alta de 2 pontos percentuais em relação ao levantamento anterior. Mostramos a íntegra da pesquisa AQUI no MS Notícias.

 

OUTRA PONTA

Com o projeto de reeleição em vista desde que tomou posse, Bolsonaro intensificou viagens pelo país para inaugurações de obras iniciadas por gestores antes dele. O político tem feito também o lançamento de programas, no momento em que amarga os piores índices de popularidade como presidente. O bolsonarismo se apressa para lançar um novo programa social em substituição ao Bolsa Família. Os últimos depósitos do auxílio emergencial estão previstos para este mêsa, até aqui, Lula segue com uma vantagem bem superior. 

Depois do recuo em 7 de setembro, Bolsonaro tem reforçado o discurso polarizado contra a esquerda, o mesmo que embalou sua vitória em 2018. A estratégia busca manter mobilizados os bolsonaristas radicais — cerca de 26% do eleitorado — e explorar o antipetismo, numa tentativa de reverter o favoritismo atribuído a Lula pelas pesquisas de opinião. (Com informações MS Notícias).

 

 

 

Fonte: MS Notícias

•  navirai noticias •   site •   naviraí


Últimas Notícias
Geral - 25/01/2022 12h27min
Chuva forte, ventania e queda granizo de atingem região oeste de Campo Grande
Geral - 25/01/2022 12h27min
Jovem é assassinado com tiros no rosto em Maracaju
Geral - 25/01/2022 12h26min
Funcionária da limpeza urbana é atropelada por motorista de Hilux enquanto varria rua em MS
Geral - 25/01/2022 12h07min
Palmeiras vence Santos por 4 x 0 e conquista Copa São Paulo pela primeira
Geral - 25/01/2022 11h08min
Ladrões arrombam blindex e furtam YBR de auto peças
Geral - 25/01/2022 10h45min
Jovem perde 500 reais em mais um golpe nas redes sociais
Geral - 25/01/2022 10h00min
Investimento do Governo de MS em reformas de escolas somam quase R$ 10 milhões
Geral - 25/01/2022 09h41min
Vigilância Sanitária intensifica a fiscalização