06/08/2021 18h13min - Geral
2 meses atrás

MS quer atingir 60% com imunização completa antes de vacinar adolescentes contra Covid


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: TaNaMídia Naviraí


Mato Grosso do Sul já ultrapassou a marca de 80% dos adultos vacinados com ao menos uma dose e deve finalizar a aplicação da primeira dose nas pessoas acima de 18 anos até o fim do mês. Com isso, entraram em pauta duas discussões: sobre a aplicação de uma terceira dose nos adultos ou o avanço da vacinação para adolescentes sem comorbidades. Para a SES (Secretaria de Estado de Saúde), MS deve começar a vacinar adolescentes somente depois de atingir 60% dos adultos com esquema vacinal completo. 

Conforme dados de sexta-feira (6), MS tem 46,16% da população adulta imunizada, número que pode aumentar com a chegada de um novo lote de Astrazeneca. “Se a gente ultrapassar 90% com a primeira dose e 60% dos adultos com a D2, aí a gente pode discutir o início da vacinação em adolescentes sem comorbidades”, disse Geraldo Resende. 

Assim como o secretário estadual, a infectologista e integrante do COE (Centro de Operações de Emergências) Mariana Croda também defende ter o máximo de pessoas imunizadas antes de começar a vacinar os adolescentes. Croda explica que o indicado é que os municípios antecipem a segunda dose, diante do risco da chegada da variante Delta em Mato Grosso do Sul. 

“O indicado é que antecipe a segunda dose, com variante delta circulando no Brasil, para que as pessoas estejam vacinadas completamente, esta é a minha opinião, antes de iniciar a vacinação em adolescentes. Porém, fica a cargo de estados e municípios decidirem, junto com o PNI (Plano Nacional de Imunização)”, argumenta a infectologista. 

Geraldo Resende ainda comentou que, antes de iniciar a imunização dos adolescentes em geral, os municípios precisam começar a vacinar os que têm comorbidades. “Semanas atrás, nós adotamos a vacinação em adolescentes a partir de 12 anos com comorbidades, só 6 mil foram vacinados. Tem município que não vacinou um sequer. Ainda é prematuro ter essa discussão e também falar sobre a terceira dose”, reforçou o secretário. 

E a terceira dose? 

Outro assunto que entrou em pauta entre autoridades de saúde é a possibilidade da aplicação de uma terceira dose de vacina para adultos. Nesta semana, o secretário municipal de saúde de Campo Grande, José Mauro Filho, comentou que acompanha o assunto. 

"A prioridade em Campo Grande, eu acredito, que seja terminar o calendário até 18 anos, e aguardarmos sobre a terceira dose. Encaminhamos hoje ao Ministério da Saúde um ofício solicitando a discussão em relação à terceira dose", disse em agenda. 

Contudo, o titular da SES acredita que a discussão ainda é precoce. A infectologista Mariana Croda afirma que é preciso aguardar um posicionamento do PNI e reforça que ainda faltam estudos sobre o assunto. 

“Alguns países mais desenvolvidos e que iniciaram a vacinação precocemente já estão fazendo [aplicação da 3ª dose], a exemplo de Israel, Alemanha, Reino Unido e possivelmente Portugal. É uma pauta que requer parcimônia, já que o Brasil tem vacinas diferentes desses países. Nós utilizamos principalmente Coronavac e Astrazeneca, vacinas que esses países não fizeram. O Chile tem padrão semelhante ao nosso, está municiando a gente de informações. Alguns estudos referentes à Coronavac e Oxford ainda estão por sair, mas não temos respostas ainda”, conclui.



•  tanamidia navirai •  noticias


Últimas Notícias
Geral - 21/09/2021 12h32min
Inmet alerta para vendaval com ventos de 60 km/h em MS
Geral - 21/09/2021 12h31min
Azambuja diz que já estuda reduzir o ICMS da gasolina em Mato Grosso do Sul
Geral - 21/09/2021 12h26min
Último dia de inverno com temperatura acima de 40° no MS
Geral - 21/09/2021 11h08min
Palmeiras e Atlético Mineiro abrem a disputa por vaga na final
Geral - 21/09/2021 10h45min
Com venezuelanos recusando emprego, Capital terá campanha contra esmola
Geral - 21/09/2021 10h25min
Governo de Mundo Novo recebe a visita do ex-prefeito Walter Pina
Geral - 21/09/2021 10h05min
PM Naviraí prende homem por ameaça e porte ilegal de arma de fogo
Geral - 21/09/2021 10h00min
Feira de Negócios de Dourados movimenta mais de R$ 50 milhões