09/05/2021 10h18min - Geral
2 meses atrás

Pandemia não impede a mãe de voltar para sala de aula com a filha


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: SulNews


CAMPO GRANDE NEWS Ana Rebeca Rissette de 19 anos é uma das calouras do curso de psicologia da Universidade Católica Dom Bosco da turma de 2021. E a colega de turma mais especial é a mãe dela, a missionária e pastora Raquel Risseti, de 55 anos. “Eu já tinha visto pessoas com mães no mesmo curso, mas não na mesma turma”, comenta Ana Rebeca.  As duas sempre tiveram uma paixão pela psicologia. Ana Rebeca conta que é um sonho desde a infância. “Eu tinha a brincadeira com as minhas amigas em que eu era a psicóloga”, recorda.  Raquel comenta que desde sempre teve interesse, mas nunca tinha colocado em prática seguir a área de estudo. Foi quando a filha passou para psicologia no início do ano, que ela pensou em concretizar a vontade.  “Quando ela foi aprovada, eu comecei a pesquisar como eu poderia entrar também e havia a opção de entrar como portadora de diploma”, explica. Assim, as duas acabaram como calouras do curso e ainda por cima na mesma turma. Raquel detalha que na mesma turma ainda existem outros portadores de diploma, mas que ainda de uma faixa etária mais nova que a dela, então ela é a mais velha da sala. "Eu sou a única ali, então tenho que saber respeitar e participar, sem alterar o andamento natural das aulas. A amiga da minha filha já me chama de tia, mas eu não tenho nenhum problema com isso, creio que posso aprender muito com eles.", reforça. Ela também brinca que ter a filha ao lado ajuda principalmente com a tecnologia.  As duas compartilham rotinas de estudos e aproveitam para facilitar o trabalho em grupo Sobre a psicologia, Raquel detalha que sempre teve afinidade, ainda mais pela formação anterior e pelo trabalho na igreja. "A gente trabalha muito com pessoas, trabalhamos muito com aconselhamento, o que é diferente de um tratamento psicológico. Quando a pessoa precisa de tratamento, encaminhamos para o profissional. Mas eu gosto muito de ouvir pessoas, eu tenho paciência, sou mais de ouvir do que falar. Acredito que a psicologia vai me ajudar muito", explica. Raquel já sabe exatamente o que quer fazer com a graduação: se especializar na terceira idade. "Na igreja, já é um público com qual eu trabalho. E com a pandemia e com o que está acontecendo no mundo, já é necessário a ajuda psicológica para os idosos e vai ser muito mais daqui para a frente. Quero poder unir o trabalho que já faço com o conhecimento da graduação e ajudar essas pessoas da melhor forma. E daqui cinco anos eu mesma também estarei na terceira idade", ressalta. As duas compartilham toda rotina de aulas e estudos que por causa da pandemia acontecem por aula on-line. “É bom para fazer trabalho em grupo”, comenta Raquel. E ficar sempre juntas não aparenta causar divergências. “É bem tranquilo”, reforça Ana Rebeca. Raquel brinca que “pediu permissão” da filha antes. “Eu perguntei para ela se ela iria se incomodar”, relata. E conseguiu o passe livre. “Não me incomoda não. Eu gostei da ideia, vai me ajudar bastante a focar”, expressou Ana Rebeca. "Eu gosto muito de estudar, está sendo uma experiência bem gostosa", ainda declara Raquel.         

•  sulnews •   noticias •   site •   naviraí


Últimas Notícias
Geral - 22/06/2021 18h24min
Entra em vigor lei que prorroga regras de reembolso de passagens aéreas
Geral - 22/06/2021 17h24min
Vítima tem moto furtada após estacionar por 40 minutos
Geral - 22/06/2021 16h17min
Contrabandista foge da PRF com carga de cigarros avaliada em R$ 2 milhões
Geral - 22/06/2021 15h23min
Prefeitura assegura eficácia de todas as marcas de vacinas contra Covid-19
Geral - 22/06/2021 15h18min
Cocaína que saiu de Campo Grande no assoalho de carro é apreendida em SC
Geral - 22/06/2021 14h39min
Naviraí-Acidente envolvendo duas motos deixa uma vitima fatal
Geral - 22/06/2021 14h26min
Batida de duas motos causa morte nas proximidades do Senai
Geral - 22/06/2021 14h26min
acidente fatal NAV