05/07/2022 17h14min - Geral
2 meses atrás

PF faz operação de combate ao tráfico de drogas via Correios em MS


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: TaNaMídia Naviraí


O tráfico de drogas em Mato Grosso do Sul não para, até via ‘aviãozinho’ em forma de envio e entrega ‘licita’ por encomendas normal pelos Correios do Brasil. Já não é novidade, já são muitas noticias pela modalidade que vem sendo realizada em entregas por pequenos ou grandes fornecedores de drogas no Estado e pelo Brasil. Em MS, há entrega pelo Estado, e daqui, sendo enviado entorpecentes a outras cidades pelo país.

Com isto, o trabalho de investigações e até ‘enxuga gelo’ vem sendo feito pela PF-MS (Polícia Federal em MS), com ajuda- aviso da própria ECT (Empresa de Correios e Telégrafos), como na manhã desta terça-feira (5). Veja abaixo, vídeo, ação da PF, em realização de nova operação denominada ‘Remessa Bloqueada’.

Conforme informou a PF-MS, a polícia subsidiada com informações da área de Segurança dos Correios em MS, cumpriu hoje, logo cedo, na cidade de Dourados, três mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão temporária, buscando reprimir o tráfico de drogas através de encomendas despachadas via Correios.

(Fotos e vídeo: divulgação PF-MS)

A PF lembra que esta ‘Remessa Bloqueada’ é do último caso, no mês de abril deste ano, onde um homem, de 26 anos, realizou o despacho de dois volumes com destinos a outros estados da federação, contendo no total 30 kg de maconha. Esta droga foi interceptada pela área de Segurança dos Correios em MS, que comunicou a PF sobre a ocorrência.

Resultado de investigações leva a Remessa Bloqueada

A PF, em investigações identificou o autor e localizou alguns endereços ligados ao mesmo. Assim, hoje os mandados que foram cumpridos buscam elementos para a continuidade das investigações e a identificação de outros possíveis envolvidos na empreitada criminosa.      

A operação foi denominada Remessa Bloqueada em alusão ao eficiente sistema de detecção de correspondências com material proibido que os Correios vêm utilizando em todo o país, sendo possível a identificação de notas falsas, drogas e outros materiais não permitidos, que, ao serem detectados, tem a sua remessa bloqueada e o acionamento da Polícia Federal para a repressão dos crimes identificados.

 O tráfico de drogas tem pena prevista de reclusão de 5 a 15 anos e pagamento de 500 a 1.500 dias-multa, conforme o art. 33 da Lei nº 11.343, de 23 de agosto de 2006.

 

 

 



•  tanamidia navirai •  noticias


Últimas Notícias
Geral - 17/08/2022 20h27min
Camex torna definitivo corte de 10% de tarifa comum do Mercosul
Geral - 17/08/2022 19h49min
Saúde: 10 estados e DF recebem novas ambulâncias do Samu
Geral - 17/08/2022 19h49min
Rio terá queda brusca de temperatura com chegada de frente fria
Geral - 17/08/2022 19h37min
Dólar sobe para R$ 5,16 após ata do Banco Central americano
Geral - 17/08/2022 19h30min
África do Sul suspende antidumping contra frango congelado brasileiro
Geral - 17/08/2022 19h18min
Desfile de 7 de Setembro foi cancelado no Rio de Janeiro, diz prefeito
Geral - 17/08/2022 19h16min
Ocorrências diminuem, mas 7 bairros ainda enfrentam problemas de energia
Geral - 17/08/2022 19h03min
Dólar sobe para R$ 5,16 após ata do Banco Central americano