17/08/2021 16h59min - Geral
1 mês atrás

Polícia identifica um dos corpos encontrados queimado e mutilado na BR-262


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: TaNaMídia Naviraí


É de Priscila Gonçalves Alves, de 38 anos, o corpo da mulher encontrado mutilado e queimado na manhã de ontem (16), na BR-262, em Campo Grande. O reconhecimento foi feito através da digital dela, que ficou intacta.

A outra vítima, ainda não identificada, pode ser o marido dela, Pedro, de 45. Os corpos estavam distantes 100m um do outro.

O histórico de vida do casal mostra o envolvimento dos dois com o tráfico de drogas. Ambos seriam usuários e cometiam pequenos furtos para manter o vício.

Em janeiro deste ano, a mãe da Priscila procurou a polícia para denunciar a situação.

Desde essa segunda-feira, equipes da Polícia Civil tentam desvendar os motivos que levaram a dupla à execução.

Conforme o site, a maneira com que os corpos foram deixados, desmembrados, são características dos assassinatos ordenados pelo ‘Tribunal do Crime’, realizados por integrantes de facção criminosa.

Todas essas possibilidades são apuradas pelas equipes da DEH (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Homicídio).



•  tanamidia navirai •  noticias


Últimas Notícias
Geral - 20/09/2021 17h51min
Pandemia desacelera e governo de MS deixa de publicar boletins diários da covid
Geral - 20/09/2021 17h47min
Decreto regulamenta reconhecimento de dívidas da União junto à Caixa
Geral - 20/09/2021 17h47min
Dois são presos furtando combustível em posto na MS-276
Geral - 20/09/2021 17h30min
Gerência de Educação reivindica recurso ao deputado Fábio Trad
Geral - 20/09/2021 16h49min
Governo propõe PL que limita remoção de conteúdos em redes sociais
Geral - 20/09/2021 16h31min
Prefeitura recolheu 5.840 quilos de lixo eletrônico
Geral - 20/09/2021 15h46min
MS terá disque denúncia sobre crimes sexuais contra crianças em aldeias
Geral - 20/09/2021 15h23min
NBCesta é o campeão do Torneio de Basquete Masculino