14/06/2022 09h50min - Geral
3 semanas atrás

Prefeitura abre consulta pública ao orçamento de 2023


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: Campo Grande NEWS


A prefeitura de Campo Grande abre em 20 de junho a consulta pública ao orçamento de 2023. A população pode fazer sugestões no site da prefeitura . O prazo vai até 20 de julho. E além da consulta pela internet, serão realizadas três reuniões públicas na Capital e nos dois distritos, conforme edital publicado na edição desta terça-feira (14) do Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande). A primeira audiência será a partir das 9h do dia 25 na Escola Municipal Professor Arlindo Lima, localizada à Rua Barão do Rio Branco, 2.469, Centro. No dia seguinte, no mesmo horário, a audiência será no distrito de Rochedinho, na Escola Municipal Barão do Rio Branco, na Rua Guia Lopes, s/n. Por fim, a última reunião será em 2 de julho no distrito de Anhanduí, também às 9 horas, na subprefeitura, localizada à Rua Zapatria, 775. “Prévia” –  Enquanto o orçamento está sendo elaborado, a prefeitura já fez a estimativa de receita em 2023 no projeto da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias), que está tramitando na Câmara Municipal. São R$ 5,4 bilhões para o próximo ano. O orçamento de 2022 é de R$ 4,7 bilhões, o que representa uma previsão de incremento de 13,64% em 2023. A peça também estabelece metas fiscais para os próximos três anos, e estima receitas de R$ 5,8 bilhões e R$ 6,4 bilhões para 2024 e 2025, respectivamente. A proposta recebeu 112 emendas dos vereadores. A matéria chegou à Casa de Leis em abril, No mesmo mês, a Câmara realizou audiência pública sobre a LDO. “Estamos projetando esse crescimento de receita para o ano que vem, fizemos uma reavaliação da expectativa para 2022 que foi mais modesta, mais conservadora. Fizemos a reestimativa em 5% e mais o crescimento em 8%, porque a própria variação da inflação girou entre 10% e 11%”, declarou na ocasião a secretária municipal de Finanças e Planejamento, Márcia Helena Hokama. Entenda –  A LDO é usada para estabelecer metas da administração pública e como base para elaborar o orçamento, servindo como uma “prévia” da LOA (Lei Orçamentária Anual). Todas as emendas, aliás, têm que respeitar o PPA (Plano Plurianual), projeto de investimentos municipais para quatro anos. O projeto da LDO precisa ser aprovado antes do recesso parlamentar, previsto para julho. Após isso, a prefeita Adriane Lopes (Patriota) sanciona a lei, vetando as emendas que verificar incompatibilidade com a programação financeira.  Com a sanção e caso haja derrubada dos vetos de emendas, o Executivo passa a elaborar o orçamento, cujo prazo legal para apresentação à Câmara vai até 30 de setembro, mesma data para projeto de revisão do PPA, se for necessário.

•  campo grande news •  navirai •  noticias


Últimas Notícias
Geral - 07/07/2022 09h26min
DOF prende duas mulheres com droga presa ao corpo em Amambai
Geral - 07/07/2022 09h15min
Mundo Novo licita recapeamento asfáltico para São Jorge e Fleck
Geral - 07/07/2022 09h14min
Operação na fronteira prende dois brasileiros e um paraguaio com maconha escondida em casa
Geral - 07/07/2022 09h02min
Rua Pedro Celestino é fechada para início das obras de recapeamento
Geral - 07/07/2022 08h57min
PMA de Amambai autua comerciante em R$ 4,7 mil por capturar de Dourado que está com pesca proibida e divulgou nas redes sociais
Geral - 07/07/2022 08h50min
Você já passou por algum constrangimento durante corrida de aplicativo?
Geral - 07/07/2022 08h41min
Para 80% dos leitores, preço da carne não sofreu alteração
Geral - 07/07/2022 08h34min
Pesquisadores alertam sobre os perigos de barragens no Pantanal de MS