08/09/2021 08h20min - Geral
2 semanas atrás

Simone diz que Congresso está vigilante e tem instrumento para conter retrocesso


 • 

nIndexer / redacao@naviraionline.com.br
Fonte: SulNews


Líder da bancada feminina no Senado, Simone Tebet (MDB-MS), rebateu neste Dia da Independência, 7, declarações do presidente Jair Bolsonaro, as quais, segundo ela, estão recheadas de “insinuações, ameaças e ações constantes contra a ordem democrática e as liberdades públicas”. Para Tebet, “o Congresso Nacional CN está vigilante e tem instrumentos constitucionais para conter qualquer tentativa de retrocesso”. Pelo Twitter, Tebet compartilhou junto com a mensagem, gravação de Ulysses Guimarães, copartidário do MDB e quem ocupou o cargo de presidente da Assembleia Nacional Constituinte de 1987 a 1988. “Traidor da Constituição é traidor da Pátria. Conhecemos o caminho maldito: rasgar a Constituição, trancar as portas do Parlamento, garrotear a liberdade, mandar os patriotas para a cadeia, o exílio e o cemitério. Quando após tantos anos de lutas e sacrifícios promulgamos o Estatuto do Homem da Liberdade e da Democracia bradamos por imposição de sua honra. Temos ódio à ditadura. Ódio e nojo”, disse Ulysses no discurso proferido durante a cerimônia de promulgação da Constituição de 1988.  

•  sulnews •   noticias •   site •   naviraí


Últimas Notícias
Geral - 21/09/2021 03h31min
Polícia fecha local de distribuição de drogas para presos em Campo Grande
Geral - 20/09/2021 17h51min
Pandemia desacelera e governo de MS deixa de publicar boletins diários da covid
Geral - 20/09/2021 17h47min
Decreto regulamenta reconhecimento de dívidas da União junto à Caixa
Geral - 20/09/2021 17h47min
Dois são presos furtando combustível em posto na MS-276
Geral - 20/09/2021 17h30min
Gerência de Educação reivindica recurso ao deputado Fábio Trad
Geral - 20/09/2021 16h49min
Governo propõe PL que limita remoção de conteúdos em redes sociais
Geral - 20/09/2021 16h31min
Prefeitura recolheu 5.840 quilos de lixo eletrônico
Geral - 20/09/2021 15h46min
MS terá disque denúncia sobre crimes sexuais contra crianças em aldeias